ESTÓRIAS...

ESTÓRIAS...

terça-feira, 12 de agosto de 2014

O CARACOL

Ainda bem que sou apenas um caracol. Posso viver livre e tranquilo.
Não me preocupo com os preços dos alimentos, nem com o abuso dos impostos sobre os produtos industrializados. Não perco meu tempo vendo bobagens na televisão e nem quero saber quem vai ganhar a próxima eleição. Estresse no trânsito! Nem penso nisso, porque não preciso de carro para ir aonde eu quiser. Não sou afetado pela violência e nem preciso de escola, hospital e delegacia. Só preciso me locomover em paz, ter o que comer e um lugarzinho para me ajeitar.

Aqui no meu mundo, tudo é diferente. Tão diferente que já pensei em ser gente, mas gente é coisa complicada! Então desisti dessa ideia. Sendo como sou, posso ter uma vida tranquila. Só tenho que ter cuidado para não ser pisado por alguém distraído ou maldoso. Sabe como é, tem gente que não pode ver um bicho que vai logo matando. Porque gente tem a estranha mania de se achar  especial demais! Por isso, pensa que pode acabar com os outros animais.


lita duarte